domingo, 30 de maio de 2010

Percepção (Albert)

Caros leitores, desprendam-se da inanidade do cérebro e abram suas mentes para apreciarem o psicológico-filosófico poema de Albert, poeta do blog "Os Devoradores de Letras". Devoradores, uni-vos.

Vemos o amanhã, com os olhos de ontem
Ouvimos o que um dia não ouviremos mais
Provamos o gosto da vitória
Sentimos o cheiro da derrota
E por fim tocamos o infinito.

Nem sempre percebemos
o que podemos sentir.
Mas as vezes sentimos
o que os outros não percebem.

Nenhum comentário:

Postar um comentário